Notícia CFA – CFA assume compromisso e volta a ser signatário do Pacto Global

Notícia CFA – CFA assume compromisso e volta a ser signatário do Pacto Global

Autarquia adota práticas organizacionais alinhadas aos dez princípios da iniciativa da ONU, sobretudo no que diz respeito à área de meio ambiente, direitos humanos e trabalho

O Conselho Federal de Administração (CFA) voltou a ser signatário do Pacto Global, iniciativa da Organização das nações Unidas (ONU) que busca engajar empresas e organizações na adoção de ações voltadas ao alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). A autarquia, por meio da comunicação de engajamento enviada no ano passado, mostrou que não só defende como também promove os 10 princípios do Pacto Global contidos na sustentabilidade corporativa nas áreas de Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Anticorrupção, e isso possibilitou o retorno do Conselho como membro signatário da iniciativa.

Para o diretor de Relações Internacionais e Eventos do CFA, Gilmar Camargo, é importante para a autarquia assumir um compromisso com o Pacto Global. “Nós estamos convictos da relevância das boas práticas no ambiente de trabalho e que elas sejam condizentes com os princípios. A atual gestão compartilhada do Conselho entende que se deve dar prosseguimento, bem como reforçar a manutenção das ações organizacionais defendidas pelo Pacto”, afirmou.

Por meio da Câmara de Relações Internacionais e Eventos (CRIE), o CFA participa das reuniões do ”Grupo Temático de Direitos Humanos e Trabalho” do Pacto Global. Na oportunidade, representantes de empresas e ONGs signatários apresentam cases de sucesso sobre as suas práticas consoantes aos princípios defendidos pelo Pacto. O Conselho também compartilha suas experiências.

“No objetivo seis do Pacto Global, por exemplo, trata de ‘Água e Saneamento’ e, nessa ocasião, o Conselho teve a oportunidade de discorrer sobre o Sistema CFA de Governança, Planejamento e Gestão Estratégica de Serviços Municipais de Água e Esgotos (CFA-Gesae), que é uma ferramenta desenvolvida e gerenciada pela autarquia que auxilia na gestão desse setor no país”, explicou o diretor.

Além disso, no grupo 11 que trata de ‘Cidades e Comunidades Sustentáveis’, o conselheiro ressaltou que foi a vez de apresentar as ações desenvolvidas a partir do Índice CFA de Governança Municipal. Outra medida que atende os objetivos do Pacto Global com foco no meio ambiente e na transparência, está a adoção do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), ferramenta usada para agilizar o trâmite dos processos e a gestão documental e que está presente em quase todos os CRAs.

Para saber mais sobre o Pacto Global, clique aqui.

Assessoria de Comunicação CFA – Ana Graciele Gonçalves

Próximo postRead more articles